quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Assassinos em massa



Há por esse mundo fora umas pseudo-virgens politicamente correctas ofendidas pela nova campanha alemã de luta contra a infecção pelo VIH. Argumentam que com isso se demoniza os seropositivos.

Curiosamente quando vi o spot pela primeira vez o que me veio à ideia foi a personificação do vírus num genocida, e não a imagem do seropositivo anónimo. Contudo, gostando-se ou não, ter sexo desprotegido com um seropositivo pode matar. Há alguma dúvida? Não é a pessoa que está em causa: é a doença mortal que pode transmitir.

E está tudo a falar do assunto. Óptimo. Nunca é demais.

2 comentários:

Marta disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
luis tavares disse...

Não entendo a celeuma que provocou este anuncio!
É de facto um assassino que intencionalmente mata!